Nova Precificação do WhatsApp API

Este artigo é uma tradução livre feita pela Becon, do artigo originalmente publicado pelo Facebook. Para maiores informações, você pode acessá-lo clicando aqui.

A partir de 1º de fevereiro de 2022, teremos uma nova precificação do WhatsApp API!

O Facebook decidiu que mudará o WhatsApp API de um modelo de preço baseado em notificações (as mensagens proativas com templates) para um modelo de preço baseado em sessões. Ou seja, ao invés de cobrarem pelas notificações enviadas, as empresas serão cobradas por sessões – logo, incluem todas as mensagens entregues em um período de 24 horas. Para mais informações sobre como as sessões funcionarão até dia essa mudança, basta clicar aqui.

O novo conceito de sessões na nova precificação do WhatsApp API:

Duas novas categorias:

As sessões da API do WhatsApp Business podem ser categorizadas de duas formas, as quais terão preços diferentes:

Iniciadas pelo Usuário – São as sessões reativas, iniciadas por algum contato que enviou mensagem para o seu número oficial;

Iniciadas pela Empresa – As notificações/mensagens proativas enviadas, usando um template, para um ou vários contatos da sua Empresa.

E o que mudou na prática?

As sessões vão se manter sendo uma janela de 24 horas para troca de mensagens sem custo para a empresa, o que muda agora é o momento que a sessão será considerada ativa. A partir dessa mudança, uma sessão será considerada ativa a partir da primeira mensagem enviada pela Empresa – apenas para reforçar que trata-se da empresa usuária de serviços oficiais, como os clientes da Becon.

Logo, a primeira mensagem poderá ser uma notificação/mensagem proativa enviada pela Empresa (Sessão iniciada pela Empresa), ou a primeira mensagem poderá ser a resposta enviada pela empresa, em até 24 horas, para uma mensagem de um usuário (Sessão iniciada pelo usuário). Por usuário, entenda uma pessoa ou entidade que enviou uma mensagem para o número com a API oficial da Empresa.

As cobranças pelas conversas são baseadas no número de telefone do usuário. As taxas para conversas iniciadas por empresas e pelo usuário variam de acordo com o mercado (país ou região). Consulte a tabela no fim do artigo para obter informações específicas.

Então usar a API ficará mais cara com a nova precificação do WhatsApp API?

Não necessariamente. O WhatsApp ainda é uma solução para comunicação “quente”, de qualidade, entre pessoas e também empresas. Para manter isso assim, o Facebook irá liberar 1.000 (mil) sessões grátis por mês para todos os números. Assim, todas as empresas, pequenas, médias ou grandes poderão construir experiências que seus clientes irão amar – antes de terem que pagar qualquer coisa.

Essas mil sessões gratuitas serão um direito de todo número que usar a API, então cobre isso do seu prestador de serviços.

E vale reforçar, tratam-se de mil sessões gratuitas, não importa se sejam mil sessões iniciadas pelo usuário ou iniciadas pela Empresa. Você usará conforme for melhor para o seu negócio! 

E, para te deixar ainda mais tranquilo, na Becon, um membro da nossa equipe de Suporte, sozinho, abre cerca de 200 sessões mês – já considerando o formato acima. Logo, 1.000 sessões são bastante sessões.

Pontos de entrada gratuitas nesta nova precificação!

As sessões não serão cobradas quando os usuários enviarem mensagens para empresas usando botões de CTA em anúncios ou em um CTA da página do Facebook. Se quiser saber mais sobre CTAs, temos um artigo incrível sobre eles aqui.

Dica da Becon:

CTA é a sigla para “call-to-action”, que significa “chamada à ação”. Sua função é convidar o usuário a dar um próximo passo, que vai desde uma interação simples até realizar uma compra. 

As conversas do ponto de entrada grátis só podem ser da categoria iniciadas pelo usuário. Ainda, apenas a primeira conversa será gratuita, enquanto que as demais conversas subsequentes com aquele mesmo usuário serão cobradas normalmente.

IMPORTANTE: O preço padrão será aplicado a anúncios que clicam para acessar o WhatsApp. A conversa que se inicia a partir do anúncio é gratuita, mas não o anúncio em si.

Chega de teoria, Becon. Quero exemplos dessa nova precificação!

Para os exemplos a seguir, usaremos um usuário hipotético, Anne Bodelac, um cliente da Commercial Air, uma companhia aérea hipotética, e Kicks, um varejista de calçados on-line fictício. Anne prefere usar o WhatsApp para enviar mensagens para empresas porque é a maneira mais rápida de obter o suporte e as informações de que precisa. 

A Commercial Air e a Kicks sabem que muitos de seus clientes preferem se conectar via WhatsApp, então eles estão prontos para responder a perguntas ou enviar atualizações importantes por meio de mensagens.

Sessões Iniciadas pelo Usuário:

Cenário: atendimento ao cliente ou consultas de suporte geral em uma única sessão de conversação de 24 horas.

1. Nossa usuária, Anne Bodelac, envia uma mensagem ao Commercial Air com uma pergunta sobre uma reserva futura. Quando a mensagem de resposta do Commercial Air é entregue (às 15:30), inicia-se então a sessão de 24 horas.

2. Nesse cenário, todas as mensagens adicionais são gratuitas na sessão de 24 horas. Isso incentiva a Commercial Air a fazer o acompanhamento com consultas de suporte em tempo hábil, ao mesmo tempo que fornece aos usuários a capacidade de trocar quantas mensagens forem necessárias para resolver questões dentro da sessão de 24 horas.

3. Se a Commercial Air continuar a trocar mensagens com a Anne após o término da sessão de conversa inicial de 24 horas, eles incorrerão em custos relacionados a uma nova sessão. Eles também deverão enviar um Template para iniciar uma nova conversa – caso já tenham se passado mais de 24 horas desde a última mensagem de Anne – que então será cobrada como uma sessão iniciada pela Empresa.

Nesse cenário, Anne obtém as informações de que precisa sobre sua reserva e a Commercial Air paga por uma conversa iniciada pelo usuário.

Cenário: a conversa iniciada pelo usuário leva a duas sessões, com um template sendo necessário.

1. Anne quer verificar um pedido que fez na Kicks, uma loja de calçados online. Ela faz isso às 13:13.

2. Kicks tem um bot configurado para responder a perguntas básicas de pedidos e responde a Anne com detalhes de entrega às 13:13.

3. Como acompanhamento no dia seguinte, o bot Kicks avisa Anne que seu pedido foi entregue, isso às 15:45. Como se passaram mais de 24 horas desde a última mensagem da Anne, a Kicks teve que enviar um template.

Quando o bot da Kicks responde a Anne mais de 24 horas após a primeira mensagem confirmando o ETA de entrega, ele inicia uma nova conversa. A Kicks também precisa usar um modelo de mensagem porque já se passaram mais de 24 horas desde a última mensagem de Anne. Nesse cenário, a Kicks pagará por uma conversa iniciada pelo usuário e uma conversa iniciada pela empresa.

Sessões Iniciadas pelo Empresa:

Cenário: a Empresa inicia a sessão com a entrega de um template.

1. Quando um voo está atrasado ou seu status muda, a Commercial Air alerta os clientes que optaram por receber notificações usando um modelo de mensagem.

2. Dois modelos de mensagem enviados em uma única sessão de conversa de 24 horas resultam em apenas 1 (uma) cobrança de conversa iniciada pela empresa.

Nesse cenário, a Commercial Air deseja que Anne saiba que seu voo está atrasado em 30 minutos. A Commercial Air será cobrada por uma conversa iniciada pela empresa para a entrega desses dois modelos de mensagem a Anne em uma sessão de 24 horas.

Cenário: Sessão iniciada pela Empresa, com a resposta do usuário, então uma única sessão.

1. Quando um cliente faz um novo pedido da Kicks, o varejista online envia uma mensagem de texto para confirmar que o pedido foi recebido e pergunta ao cliente se deseja receber uma notificação quando o pedido for enviado.

2. O cliente seleciona Sim e opta por receber notificações de pedido adicionais.

Nesse cenário, Kicks paga por uma única sessão, iniciada pela Empresa. Agora, se o usuário responder mais de 24 horas após a entrega da mensagem inicial, e isso for seguido por uma resposta da Empresa, isso resultará em uma nova sessão – desta vez iniciada pelo usuário.

Valores cobrados pelo Facebook – nova precificação do WhatsApp API

Os valores abaixo estão em USD (dólares americanos):

PaísIniciada pelo UsuáriosIniciada pela Empresa
Argentina$ 0.0526$ 0.0316
Alemanha$ 0.1365$ 0.0819
América do Norte$ 0.0147$ 0.0088
Brasil$ 0.0500$ 0.0300
Chile$ 0.0757$ 0.0454
Colombia$ 0.0100$ 0.0060
México$ 0.0349$ 0.0105
Reino Unido$ 0.0647$ 0.0388
Para mais países, acesse o artigo original.

Para saber mais sobre essas mudanças, ou tirar dúvidas em geral, clique aqui e vem falar com a BÁ (a Becon Autoatendimento). Aproveita e já agenda uma demonstração com nossa equipe!

Escrito por:

Philippe Silveira

Philippe Silveira

Auto-proclamado desenhista, escritor, contador de histórias, sonhador, e nascido brasileiro, hoje também é responsável por Sucesso do Cliente na Becon,

últimos posts

A Becon quer ajudar você a conseguir Leads qualificados, de forma orgânica, prontos para mexerem o ponteiro das suas estratégias de marketing online e offline. A Becon é sua parceira para tudo isso – e de acordo com a LGPD e o Marco Civil da Internet.